FANDOM


Nikolai Stanislofsky
N Stanislofsky
Temporada(s)
3 | 4.1
Primeira aparição
Última aparição
Apareceu em
Também conhecido como
Nikolai Petrovich Stanislofsky
Status
Morto
Condenação

14 de fevereiro de 1999 por posse de objetos roubados com a intenção de venda. Pena de 15 anos com direito a condicional em 5
Morte
Eletrocutado por Claire Howell
Aliança
Família
Interpretado por


Nikolai Petrovich Stanislofsky (Николай Петрович Станиславский) (prisioneiro 99S233) é um personagem de Oz interpretado por Philip Casnoff.

BiografiaEditar

Prisioneiro 99S233, Nikolai Stanislofsky. Condenado em 14 de fevereiro de 1999 por posse de objetos roubados com a intenção de venda. Pena de 15 anos com direito a condicional em cinco.

Terceira temporadaEditar

Um russo judeu que foi preso ao tentar vender mercadoria roubada, Stanislofsky foi mandado para Emerald City, perguntando sobre o assassino de um amigo, Alexander Vogel. Nikolai se gabava por ter sido preso em um gulag (prisões de trabalho escravo soviético). Quando Richie Hanlon deixou o Corredor da Morte e voltou para City, Nikolai tomou banho com ele, o seduzindo e cortando sua jugular com uma navalha na boca. A tensão entre ele e o também russo Yuri Kosygin chegou a tal ponto que Nikolai pediu para Ryan O'Reily o matar. O'Reily se negou. Nikolai, então, recorreu à Chucky Pancamo, dizendo que Kosygin havia colocado heroína na água de Pancamo, o que o fez perder a luta para Cyril O'Reily no Torneio de Boxe. Pancamo contou à Tim McManus, mas logo percebeu seu erro: caso algo acontecesse a Kosygin, ele seria o principal suspeito. Pancamo, aconselhado por Ryan, decidiu contar a Kosygin o que Nikolai havia feito. O cossaco encurralou Nikolai na biblioteca, o esfaqueando no pescoço.
Castigo Cruel e Incomum

Nikolai sendo esfaqueado por Kosygin

Nikolai, no entanto, retornou saudável, dizendo ao guarda Sean Murphy que O'Reily sempre desaparecia antes das lutas. Murphy, então, encontrou O'Reily dopando os lutadores.

Quarta temporada - Parte 1Editar

Stanislofsky flagrou o novato Ralph Galino usando um telefone celular. Amigavelmente, Nikolai contou ao novato que celulares eram proibidos e se ofereceu para entregar o mesmo às autoridades. O russo, no entanto, se apoderou do telefone. Infelizmente para Nikolai, Cyril O'Reily o viu usando o telefone e contou para seu irmão, Ryan, que pressionou o russo para lhe entregar o mesmo. Nikolai se negou, o que levou Ryan a dizer à Galino que Nikolai ainda possuia o telefone. Ralph, irado, pressionou Nikolai para devolver-lhe o aparelho. O russo decidiu contratar Jaz Hoyt e os motoqueiros para matar Galino. Eles o fizeram ter uma overdose, o matando. O'Reily e Nikolai passaram a fazer um acordo, com Stanislofsky alugando o aparelho à Ryan, que, depois de falhar em encontrar o telefone, contou à Hoyt sobre o mesmo. O motoqueiro tomou o celular de Nikolai e tentou matá-lo, apenas para ser controlado pelos presos e ter o celular roubado por O'Reily. Nikolai foi colocado por Martin Querns em custódia, de onde teve a idéia de pedir à sua namorada para ligar para o celular durante a contagem dos presos, quando City estaria em silêncio. O celular foi encontrado. Para evitar que O'Reily matasse Nikolai, Querns o ameaçou, dizendo que se algo acontecesse com o russo em City, ele seria o responsável. O irlandês resolveu matá-lo antes de sua volta à City. Enquanto tomava um banho de banheira - exigência feita à Querns - Stanislofsky foi masturbado por Claire Howell, que depois jogou um secador de cabelos ligado na banheira, eletrocutando o russo, a mando de O'Reily.

ApariçõesEditar

Nikolai Stanislofsky apareceu em 10 episódios de Oz.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.